Como desenvolver o hábito de estudar

118 Comentários

desenvolver-habito-de-estudarUma das coisas que mais facilitam a vida de um estudante é desenvolver o hábito de estudo. Até o final da leitura você vai aprender porque o hábito de estudar é importante e como desenvolvê-lo, ideal para quem quer estudar para provas ou concursos.

Antes de iniciarmos esse artigo quero apresentar rapidamente para você o que é um hábito e de que maneira ele influência sua vida.

Ah! Esse é mais um artigo que você vai precisar de uma folha ou o bloco de notas do computador aberto para anotar as informações, deixe tudo pronto antes de começar sua leitura.

O que é um hábito?

Hábito pode ser definido como um comportamento que determina a pessoa que aprende e repete frequentemente, sem pensar como deve executá-lo.  

Quando você o executa um hábito diversas vezes, ele passa a ocorrer de maneira automática. Por que isso é importante? Porque é justamente o que você vai usar para conseguir estudar com mais eficácia.

Hábitos acontecem porque a todo o momento o nosso cérebro está procurando maneiras de poupar esforço. O cérebro tenta transformar toda ROTINA em HÁBITO. Dessa forma o cérebro se torna mais eficiente. Pense em quantas ações você realiza e nem sequer pensa nelas, como escovar os dentes, amarrar os cadarços, pentear os cabelos. Até ações mais complexas como dirigir ou executar tarefas complicadas no trabalho.

A  ROTINA pode se tornar um HÁBITO, ou seja, tudo o que você executa repetidamente. Um dos problemas disso é que você pode desenvolver um bom hábito ou um mau hábito.

  • Bons hábitos são aqueles que tornam sua vida mais produtiva ou saudável sem prejudicá-lo, por exemplo, o hábito de estudar todos os dias ou de exercitar-se;
  • Maus Hábitos são aqueles que te prejudicam, por exemplo, o hábito de ficar 3 horas por dia nas redes sociais ou navegando a toa na internet.

Não vou me aprofundar muito sobre hábitos nesse artigo. Caso você tenha interesse no tema recomendo a leitura do livro O poder do Hábito de Charles Duhigg, nele você vai aprender mais sobre como se originam os hábitos.

Ok, você já sabe a importância dos hábitos em sua vida, agora quero que você compreenda qual a importância dele para seus estudos.

Por que é importante desenvolver um hábito de estudos?

Algo interessante acontece comigo desde que desenvolvi o hábito de estudar. É o sentimento de falta que eu sinto todas as vezes que não consigo estudar ou pelo menos ler um livro, é como se faltasse alguma coisa no meu dia.

Eu já não consigo passar longos dias sem estudar, pense nisso alongo prazo. Com o tempo isso só gera mais conhecimento.  É exatamente esse hábito que me ajuda a estudar mais e mais e é por isso que você deve desenvolver seu hábito de estudo.

Você não vai aprender tudo o que precisa da noite para o dia, as coisas acontecem com o tempo, pouco a pouco. Dias atrás eu postei algo sobre isso no Facebook:

A maneira mais fácil que você tem para estudar todos os dias é desenvolvendo um hábito de estudos.

Nós já vimos que hábitos são maneiras do cérebro se tornar mais eficiente. Ele alivia a preocupação de ter que pensar em todas as ações para deixar a mente livre para fluir e raciocinar.

A eficiência no cérebro é sentida todas as vezes que você começa uma sessão de estudos. Sua memória fica mais afiada, seu raciocínio mais ágil. Você não fica preso horas sobre um tema de estudos, pois as informações em seu cérebro são sempre trabalhadas, facilitando muito mais seu aprendizado.

“Lembre-se, os bons hábitos de estudos tornam sua vida de estudante muito mais fácil.”

Entendeu porque ele o hábito é importante para seus estudos? Então vou te explicar como desenvolver o hábito de estudos.

Como desenvolver o hábito de estudos?

Um hábito de estudo eficaz possui três estágios, a deixa, a rotina e a recompensa. Vou resumir para que você entenda cada um:

  1. Deixa: É algum tipo de estimulo que faz com que seu cérebro entre no automático. É a deixa também quem define qual o tipo de hábito deve ser usado.
  2. Rotina: É a ação que você executa repetidamente. Esta ação pode ser física, mental ou emocional.
  3. Recompensa: É o que ajuda seu cérebro definir se um hábito deve ser memorizado ou não.

Todos os hábitos possuem esses 3 estágios, por exemplo, uma pessoa que tem o hábito de passar horas na rede social. Para essa pessoa um simples som emitido pelo celular ou computador é sua deixa. Sua rotina é passar horas navegando e a recompensa é a sensação de prazer ao acessar álbuns de fotos, comentar postagens, ou simplesmente um alívio por deixar as preocupações de lado.

Há ainda mais um estágio que complementa todos, mas quero falar dele mais para frente, atente-se somente a esses três por enquanto.

Eu tenho um próprio método que utilizo para criar meus hábitos. Através desse método desenvolvi o hábito de exercitar-me todos os dias, estudar, me alimentar melhor e inclusive dormir melhor.

Vou explicar detalhadamente cada passo para que você consiga criar seu próprio hábito de estudos.

1° Passo: Identificando a Rotina

“O hábito torna suportáveis até as coisas assustadoras.”

(Esopo)

Uma rotina perfeita é quase como um ritual, você executa tudo corretamente todos os dias. Pessoas que não gostam de rotina podem achar que isso é um problema, mas não é.

Primeiro você precisa identificar como está sua rotina? Como estão seus horários e atividades todos os dias.

Para facilitar seu trabalho escreva em uma folha todos os dias da semana e seus horários. Você não precisa detalhar muito a respeito do seu dia, isso é só para você ter uma ideia de quais os horários você está livre e a quantidade, veja a imagem:

rotina-de-estudos

Importante! Nós não estamos fazendo aqui o plano de estudos, é somente um esboço para você desenvolver seu hábito de estudos. Mais a frente você irá aprender a desenvolver seu plano de estudos.

Observando o exemplo que coloquei você deve ter percebido que das 18 Horas até às 21 Horas é o horário que mais tenho livre, ele se repete por 4 dias da semana.

Além do mesmo horário é também é necessário o mesmo local. Um mesmo local reforça seus hábitos de estudos, seu cérebro percebe que você está executando uma mesma tarefa em um local seguro, ajudando a reforçar seu hábito.

Onde você está quando tem seus horários livres? Está em um local apropriado para os estudos?

Voltando ao meu exemplo, todos os dias livres eu não estou em casa, mas estou um local que me propicia a tranquilidade necessária para estudar.

Se você não estiver em um local ideal para estudar como sua casa, biblioteca ou local silencioso então você deverá ver um horário que bata com um local tranquilo para estudar, procure outro horário ou tente estar em um local adequado.

Importante: Pode ser que seu local não seja o mesmo a semana toda, não tem problema, desde que você mantenha uma rotina semanal ou mensal.

Você já tem definido seu horário e seu local de estudos, tudo certo para você desenvolver seu hábito de estudos poderoso. Agora chegou o momento de definir quanto tempo de estudo.

2° Passo: Comece estudando devagar e progrida com o tempo.

“Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha.”

(Confúcio)

Eu sempre repito a importância de começar devagar, não adianta você querer se apressar. Começar um hábito exige tempo, e para isso é preciso paciência.

Você precisa estudar todos os dias para conseguir manter o hábito de estudar, por isso minha recomendação é que você comece com uma sessão de estudos de apenas 20 minutos. Vá aumentando 10 minutos de estudo por dia.

Seguindo essa rotina até o final do mês você estará estudando 5 horas por dia. No início você começara com leituras leves e apenas uma matéria de estudo, mas até o final do mês você já estará seguindo um cronograma de 5 Matérias por dia. Logo abaixo eu disponibilizo um cronograma para você seguir.

Você deve começar com pouco para que seu cérebro e organismo se acostumem com a estudar. Essa é a melhor forma de você começar a estudar e desenvolver um hábito de estudo sólido. Você pode pensar que 20 minutos de estudo, mas lembre-se que você está progredindo e a cada dia você vai estudar um pouco mais.

Agora vamos transformar toda essa rotina em um hábito duradouro.

3° Passo: Definindo a sua deixa

“Repetir para aprender, criar para renovar.”

(Ezra Pound)

Uma deixa acontece logo no primeiro horário, quando você acorda. A primeira coisa que você faz durante o dia é a sua deixa, ela já informa seu cérebro as coisas que poderão acontecer e de que maneira ele deverá lidar com elas, o seu hábito.deixa-habito-de-estudos

Você deve manter as mesmas ações todos os dias, para que seu cérebro identifique seu hábito. Dois exercícios são essenciais para que você desenvolva um hábito de estudos perfeito, eles devem ser executados antes de dormir e na hora de acordar.

Fazer antes de dormir e ao acordar é importante, pois é o momento em que seu cérebro está trabalhando com ondas capazes de influenciar seu inconsciente. Uma vez que você tenha o inconsciente a seu favor, as coisas ficarão ainda mais fáceis.

Exercício antes de dormir

Todas as noites antes de dormir pense em seus objetivos. O porquê de você estar se dedicando nos estudos. Para fazer isso você deve ter seus objetivos definidos conforme eu ensinei no artigo sobre motivação para estudar.

Quando pensar em seus objetivos visualize onde você quer estar, sinta como será sua vida ao completar esse objetivo. Faça isso todas as noites pouco antes de dormir.

Exercício após acordar

Todos os dias a primeira coisa que você vai fazer ao acordar é pensar sobre o motivo de você estar levantando naquela manhã. Você brevemente irá mentalizar seu objetivo e visualizar seu dia de estudos, se possível repita em voz alta ao acordar:

 “Hoje é dia de estudar, dia de seguir rumo aos meu objetivo que é (Aqui você fala qual é seu objetivo)”.

E na mesma hora lembre-se do seu horário de estudos e que você estará pronto para estudar e entusiasmado por estar seguindo seu sonho.

Sua deixa antes de começar a estudar

Logo antes de começar seus estudos você irá fazer uma ação que seja capaz de informar a seu cérebro para o hábito entrar em ação. É obvio que ele já está alerta desde o dia anterior quando você fez a visualização antes de dormir. Mas essa atividade diária é o que irá disparar seu hábito de estudo.

Eu particularmente gosto muito de usar música, ela consegue influenciar as emoções no cérebro e isso é ótimo para desenvolver o hábito. Mas você pode usar qualquer estímulo vou dar alguns exemplos do que você pode fazer logo antes de estudar:

  • Tomar banho antes de sua sessão de estudos. É bom para relaxar e deixar você preparado para estudar. É só você manter a rotina de tomar banho e logo em seguida começar a estudar.
  • Fazer uma atividade física também é excelente. Você pode se exercitar e logo em seguida tomar um banho, (ou não, mas acho que você não vai conseguir estudar cheirando mal 😉 ) após o banho comece sua sessão de estudos.
  • Tomar água. Parece bem simples né? Mas ao tomar água você se refresca e hidrata seu corpo, você pode manter o hábito de tomar um copo de água sempre antes de estudar.
  • Escutar uma música animada. Escutar uma música animada deixa seu cérebro em alerta e pronto para aprender. Você pode fazer uma sessão de músicas animadas sempre antes dos seus estudos.

Sua deixa deve ser executada todos os dias conforme expliquei, antes de dormir, ao acordar e pouco antes de começar a estudar. Fazendo isso você vai reforçar o hábito de estudar.

4° Passo: Definindo sua recompensa

“A maior recompensa para o trabalho do homem não é o que ele ganha com isso, mas o que ele se torna com isso.”

(John Ruskin)

Você vai definir o estímulo que ligará toda a sua rotina. Uma recompensa é o que faz o hábito ser o que é. O cérebro identifica como hábito tudo o que ele considera como recompensa, o problema é que ele pode considerar tanto uma dose de nicotina quanto uma de açúcar, só que nós sabemos que ambas possuem efeitos bem diferentes em um organismo.recompensa-habito-estudos

O que você vai fazer é manipular sua própria recompensa, de forma que seu cérebro acredite ser um hábito que vale a pena ser guardado e entrar em ação todos os dias. Você decidirá que recompensa irá receber logo após seus estudos.

Eu geralmente não tenho uma regra para recompensas, tudo o que você considera bom para você pode ser usado, desde um bolo de chocolate até uma sessão de filmes. Você precisa apenas decidir o que você mais gosta de fazer, comer, assistir ou sentir?

Vou te apresentar alguns exemplos de recompensas e de que maneira você pode utilizá-las para seu deleite pós-estudos 😉 .

  • 1 hora de Vídeo Game. Você é viciado em jogos? Então sua recompensa pode ser 1 hora de vídeo game ou até mais dependendo do seu tempo, só não exagere.
  • 1 pedaço de alguma guloseima. Essa aqui é perigosa pois pode te fazer ganhar uns quilos extras. Mas um pouco de doce não faz mal a ninguém, então se você é dos amantes de doces, recompense-se com sua guloseima favorita após estudar.
  • Filmes ou séries. Se você é dos fãs de séries ou filmes essa pode ser sua recompensa. Um episódio de seriado ou um filme são ótimos atrativos.
  • Dormir? Sim, muitas pessoas adoram uma boa soneca, e você pode também fazer disso sua recompensa. Terminou de estudar, então só dormir e descansar, só lembre-se de fazer a mentalização antes de dormir.
  • Navegar na net. Quando você terminar de estudar pode se dar de presente 1 hora de acesso a internet livre e sem remorso de estar trocando os estudos pela internet. Aproveite sua recompensa e navegue na internet tranquilamente, só cuide para não exagerar.

Ao aproveitar sua recompensa desfrute ao máximo, sinta a alegria e felicidade de terminar sua meta diária e fique tranquilo. Quanto mais emocional for sua recompensa, melhor se fixará seu hábito.

Porque tudo isso funciona?

Logo acima mencionei que além dos 3 estágio que regem um hábito, há também mais um, esse estágio é o anseio. É ele quem une seu hábito e faz com que você execute essas atividades todos os dias.rotina-habito-de-estudos

Para definir de maneira simples o anseio funciona como uma antecipação. Ao acordar todas as manhãs e realizar o exercício de visualização você já começara a ansiar pela sua recompensa no final do dia, ou seja, estará alerta e inconscientemente aguardando pela sua sessão de estudos que começará mais tarde. Com isso sua rotina se manterá intacta todos os dias

Por isso é muito importante que você mantenha esse ritual ininterruptamente pelos próximos dias, até que seu cérebro identifique tudo isso como um hábito que deverá ser seguido, com o tempo o anseio tomará conta para que você execute tudo sem falha.

Colocando em prática o hábito de estudar.

Vou mostrar de maneira simplificada como você deverá prosseguir nos próximos dias para construir seu hábito de estudos. Antes de colocar em ação lembre-se de ter realizado todos os 4 passos anteriores.

Cronograma

Horários: Seus horários deverão ser os mesmos em sua rotina, evite trocar a hora que começa seus estudos. Esses horários também podem ser flexíveis desde que você tenha uma rotina, por exemplo, pode ser que na segunda você esteja livre das 8 as 11 horas e o resto da semana você esteja livre das 17 as 20 horas, Não tem problema desde que isso se repita nos próximos 30 dias.

Materiais de estudo: Por enquanto não se preocupe com o que estudar ou em dividir matérias, apenas comece. Você está formando aqui seu hábito de estudos. Depois que você tiver começado que vem o planejamento. Mais a frente você irá aprender a fazer um plano de estudos perfeito.

Local de estudos: Se possível tente manter seu local de estudos organizado, deixe tudo sempre nas mesmas posições, lembre-se que o hábito é reforçado quando tudo permanece igual. Deixe na mesa somente o que você vai usar para estudar. No começo será apenas um livro, isso facilitará para você.

Caso não tenha um local de estudo fixo, tenha uma bolsa ou mochila especial para estudar, nela deve ter um caderno ou folhas de anotações, o livro que você estará estudando e um estojo com lápis, canetas, marcadores, etc.

1° e 2° Semana: Estude apenas uma matéria e comece devagar, leia aos poucos entendendo cada ponto, ainda não resolva questões apenas leia e faça anotações, não tenha pressa.

3° Semana: Estude 1 matéria de 2 horas e 1 matéria de 1 hora. Nessa fase você já deverá estar lendo um pouco mais, também deverá usar as técnicas de aprendizado ativo para aprender com mais eficácia.

4° Semana: Estude 1 Matéria de 2 Horas, 2 de 1 Hora e 2 de 30 minutos. A partir de agora você já estará resolvendo questões, fazendo anotações, assistindo vídeo aula e tomando notas.

Siga essa rotina por 60 dias: Ao final de 30 dias você estará estudando uma média de 4 a 5 horas por dia. A partir desse ponto você deverá executar a mesma rotina mais 30 dias, só que dessa vez você estudará 4 a 5 horas por dia durante 30 dias, repetindo a sequencia de mesmas matérias e horários.

E se eu falhar? Pode ser que em algum dia do mês você não consiga executar sua rotina, não se culpe por isso, existem dias que são difíceis por inúmeras questões, apenas não aumente os 10 minutos do dia seguinte e continue seguindo em frente, é só aumentar um dia a mais no final de sua rotina.

Mas lembre-se de que estudar é sua prioridade, então nada vem antes, a menos que seja uma emergência real, e uma noite no bar com a galera não é uma emergência. Tenha disciplina.

Com isso você terá criado seu hábito de estudo. Ao final do 60° dia seu organismo sentirá vontade de estudar no mesmo horário que você estabeleceu, conforme você leu logo acima, você terá um anseio por estudar todos os dias.

Concluindo

A nossa vida é regulada pelos hábitos, são poucas pessoas que a cada dia tem uma rotina diferente, por isso usar a força desses hábitos é ótimo para aumentar seu desempenho como estudante.

Se você aplicar tudo corretamente, será um estudante preparado. Não será aquele tipo de estudante que fica sempre desesperado quando sai um edital ou tem que fazer uma prova. A melhor maneira de obter sucesso em provas e concursos é estar sempre preparado.

Aplique a partir de amanhã os passos que você aprendeu aqui, não perca tempo. Não espere começar a semana ou o próximo mês. Comece logo, quanto antes você começar, mais rápido formará seu hábito de estudos.

Próximos passos:

  1. Programe-se hoje para amanhã mesmo começar a por em prática seu hábito de estudos, não perca tempo com detalhes como “o que estudar?” Apenas comece.
  2. Deixe um comentário informando porque você está se dedicando aos estudos. Pense nisso como um exercício para você já começar a desenvolver sua rotina de estudante ativo.

Gostou do artigo? Então clique abaixo para compartilhar com um amigo.

Até a próxima, abraços! 🙂

E-mail:
Escrito por
Professor, empreendedor & escritor. Especialista em aprendizagem. Atualmente dedicado ao site Estudar e Aprender.
  • Silvio A.W.

    Excelentes dicas! Obrigado.

  • Obrigado pelo comentário Silvio, grande abraço. 🙂

  • Lorena Faria

    Ótimas dicas! Estava precisando me organizar de alguma forma, amanhã começo! Obrigada!

  • Camila Fiori

    Muito bom. Eu vou estudar pra passar em uma faculdade pública no curso de Medicina Veterinária. Na verdade, as aulas do meu cursinho já começaram semana passada, eu sempre tive bastante preguiça pra estudar, nunca estudei o dia inteiro…. e ta meio dificil de começar essa rotina! hehehehe mas precisooooo pq quero mais q tudo passar!

  • Olá Camila!

    Então esse artigo caiu como uma luva para você e seu momento de estudos. Isso é ótimo, começar uma rotina de estudos para quem não está acostumado nem sempre é fácil, mas se você seguir corretamente você conseguirá. Só tome cuidado para não estudar demais, estude somente o tempo necessário, tire o resto do dia para descansar, seu cérebro aprender enquanto descansa também.

    Obrigado pelo acesso ao site e sua participação, grande abraço! 🙂

  • Olá Lorena.

    Ótimo agora só começar mesmo, foco nos objetivos vai te ajudar e manter-se motivada. Obrigado e abraços. 🙂

  • Vanessa Veronez

    Quero entrar em uma faculdade pública de medicina, era o artigo que eu precisava. Parabéns

  • Olá Vanessa.

    Espero que você coloque em prática o que aprendeu aqui e desenvolva seus hábitos de estudos. Tenho certeza que se você se dedicar conseguirá ser uma médica. Obrigado pela participação, abraços. 🙂

  • Juliana Almeida

    Quero entrar para uma das universidades mais concorridas e conceituadas do mudo, Harvard. Foi um artigo, na qual foi explicado meticulosamente e com clareza, meus parabéns !

  • Olá Juliana.

    Fico feliz que tenha gostado do artigo, espero que ele te ajude muito a completar seu objetivo de se formar pela Harvard. Obrigado pela participação, abraços e sucesso!

  • Diego Cavalcante

    Leandro, tinha deixado um comentário na fanpage do facebook sobre o sistema de flashcards que utilizo. Muito obrigado por ter respondido. Resolvi agradecer por aqui. Estava fazendo mapas mentais com imagens prontas, por ser mais rápido e prático. Mas depois da sua dica, tentarei eu mesmo desenhar (e melhorar o hemisfério direito do cérebro).

  • Diego Cavalcante

    Lendo essa os exemplos de “deixa” e mais especificamente essa: “ouvir música animada”, gostaria de sugerir um tema para um próximo artigo: “escutar música enquanto estuda”. No começo tinha um pouco de preconceito, mas fui convencido com um argumento simples: “quando se estuda ouvindo música, qualquer lugar é lugar”. Já sofri com barulhos externos, hoje o meu ambiente de estudo “sonoro” é sempre o mesmo. No começo, usei abafadores de ruído, mas estes não acabam com todos os sons. Então dei uma chance para música. É claro que não pode ser qualquer música; Usei, inicialmente, a “fur elise” de Beethoven, por ser instrumental e não ter voz. Música clássica é boa para esse propósito. Hoje, utilizo o “som da chuva” (não é o nome da música, é o próprio som da chuva caindo no telhado ou algo assim). Tenho um arquivo mp3 de 2hrs seguidas de som de chuva. E toda vida que vou estudar, coloco ele… assim, mesmo que eu esteja em um lugar um pouco barulhento, como numa ala comum da faculdade, coloco os fones e consigo estudar, porque é um ambiente(sonoro) que já estou ambientado: “som de chuva”. Aproveitando, caso escreva sobre isso, gostaria que falasse um pouco desses sons binaurais “teta, gama, alpha etc” e se tem algum efeito prático comprovado segundo a ciência. Abraço, cara; Continuarei acompanhando o site.

  • Diego Cavalcante

    Só agora, depois de ler o seu artigo sobre técnicas de motivação, vi que você já iria escrever sobre isso: “Para aprender a estudar escutando musica você deve ler o artigo que logo vou postar ensinando como obter melhores resultados com os estudos escutando música”. Forte abraço, Leandro e muito obrigado por todas as dicas que está disponibilizando.

  • Eu que agradeço sua participação por aqui Diego, desejo sucesso nos estudos. Abraços.

  • Olá Diego,

    Só vou esclarecer um pouco mais sobre esse tema. Quando menciono hemisfério direito do cérebro não significa que você não usar ele. O cérebro é muito complexo, quando você o utiliza, várias áreas do seu cérebro estão em atividade, só que dependendo do que você está fazendo algumas áreas ou são mais do hemisfério esquerdo ou do direito.

    Então quando eu escrevo desenvolver o hemisfério direito não é que ele não funcione, mas que as áreas que ajudam na memorização e criatividade que ficam desse lado estão sendo pouco trabalhadas.

    Só para esclarecer um pouco mais esse ponto. Obrigado mais uma vez pelos comentários e apareça sempre no site, forte abraço!

  • Josiane Laner

    Recomeço as aulas na semana que vem, mas já vou colocar em prática amanhã!!

  • Olá Josiane,

    Isso mesmo o quanto antes começar melhor, pois você já desenvolve o aprendizado. Obrigado pelo comentário, abraços.

  • Leo Soares

    Estou iniciando estudos para o próximo concurso da PRF e adorei esse artigo, serei fiel e, assim, terei sucesso. Parabéns e obg Piccini.

  • Olá Leo,

    Espero mesmo que você tenha sucesso nos estudos e lembre-se muito da disciplina como fator importante para o seu sucesso na prova da PRF. Obrigado pelo seu comentário! Grande abraço.

  • Bruno Wagner

    Obrigado, me convenceu tbm! kkkk =D

  • Que bom Bruno, Agora só começar a estudar logo! Sucesso e abraços. 🙂

  • Brenda Oliveira

    Muito obrigada Leandro pela dica!

  • Eu é que agradeço sua participação aqui Brenda! Desejo a você sucesso nos estudos, abraços.

  • Barbara Moregula

    texto excelente. obrigada por compartilhar seus conhecimentos.

  • Olá Bárbara,

    Eu que agradeço seu comentário. Esteja sempre a vontade para ler os textos do site e participar, abraços e sucesso nos estudos. 🙂

  • Barbara Moregula

    🙂

  • Abraão Lenon

    “Sua deixa deve ser executada todos os dias conforme expliquei, antes de dormir, ao acordar e pouco antes de começar a estudar. Fazendo isso você vai reforçar o hábito de estudar.”

    Essa parte eu não entendi, o que é realizado antes de dormir e ao acordar não seria a mentalização? Isso é diferente da “deixa”, Além do mais ao realizarmos a deixa no despertar e ao dormir nós não iremos estudar logo em seguida, isso irá desfazer todo o propósito da “deixa”, tendo em vista que não estará sendo realizado a rotina de inicio do estudo proposta.

  • Olá Abaão,

    Obrigado por enviar sua dúvida ele é bem interessante. Acredito que muitos que leram o texto devem estar pensando mesmo. Mas para que fique claro a “deixa” é muito mais que uma ação a ser realizada antes de uma determinada atividade.

    A verdadeira deixa acontece em seu cérebro, ou seja, ela é bioquímica. Portanto mesmo que você mentalize algo antes de dormir e não estude em seguida você está reforçando seus hábitos do dias ou suas várias deixas. Os vários gatilhos que fazem com que você realize determinada tarefa.

    Por exemplo, um loop do hábito de se alimentar em determinado horário não é disparado unicamente por você sentir o cheiro de comida. Ele na verdade começa bem antes, reforçando todos os hábitos anteriores, é isso que faz a liga do seu hábito.

    Espero que essa explicação tenha deixado mais claro para você a importância de reforçar suas deixas para executar seu hábito. Caso tenha mais dúvidas é só deixar um comentário. Obrigado e desejo a você sucessos em seus estudos. Abraços.

  • Atílio Reis

    muito bom cara, esse teu artigo deu até anseio para estudar!

  • Olá Atílio,

    Que bom cara. Espero que você comece logo a estudar para atingir seus objetivos. Obrigado pela sua participação, abraços e bons estudos.

  • EVERSON

    ENTREI AQUI PROCURANDO ALGUMAS DICAS PARA ESTUDAR CÁLCULO, SÃO MUITO BOAS, A MINHA E QUE TOME CHÁ NO LOCAL DE AGUÁ, CAFÉ PODE DESPERTAR, PORÉM DESFOCA. UM BOM ESTUDO A TODOS.

  • Olá Everson,

    Obrigado pela participação sua dica do chá é muito útil, principalmente para pessoas como eu que adoram um chá. Obrigado e esteja a vontade para sempre retornar e comentar.

    Abraços e bons estudos. 🙂

  • Camila Domingos Cabral

    Caro Professor Piccini,
    Parabéns pelo seu site – “Estudar e Aprender” – e pelas dicas tenho certeza que voce é um escelente profissional. Com seus textos de incentivos e comunicativos voce demonstra todos os seus conhecimentos. Queria agradecer-lhe por compartilhar eles conosco, me motivou a estudar sempre focada nos meus objetivos e, assim, terei um futuro promissor. Muito obrigada, e que voce continue com esse maravilhoso trabalho.

    Camila Cabral (14)

  • Naygra Fernandes

    Muito bom esse artigo, muito obrigado professor me ajudou muito. Estava totalmente perdida, fiquei o inicio desse ano todo fazendo pré-militar mais nunca consegui me organizar de forma tão clara como o senhor explicou, infelizmente só faltam 5 dias para a prova do concurso que eu quero mesmo assim pretendo começar amanhã essa nova rotina e os novos hábitos. Porém, fico muito feliz de ter uma direção agora, e começar do zero para que ano vem consiga o resultado tão esperado, me dedicando ao máximo!! Obrigado mesmo, abraços!

  • Olá Camila,

    Muito obrigado pelo carinho, fico contente em sabe que esse trabalho está ajudando você e a muitos estudantes a conquistarem seus objetivos por meio dos estudos e do aprendizado. Espero que você mantenha essa motivação sempre acesa e siga em frente estudando. Agradeço mais uma vez seu comentário e esteja sempre a vontade para participar no site.

    Abraços e bons estudos. 🙂

  • Nicoly De Oliveira

    Entrei aqui para procurar dicas de como ter o verdadeiro anseio de estudar, nem procurava por essa palavra; até finalmente encontrá-lá ! Professor, meus parabéns! Com todas essas dicas, tenho certeza que colocando as mesmas em prática na minha rotina, daqui a 30 dias estarei estudando por prazer afim de alcançar brevemente todos os meus objetivos com sucesso!!!
    Um abraço professor! E sempre que possível, continue com as dicas!

  • Olá Nicoly,

    Obrigado pelo comentário e fico contente que o artigo tenha ajudado você a muda sua mentalidade e partir para a pratica dos estudos. Espero que você tenha sucesso e volte aqui para contar como foi o resultado… hehehe. Esteja sempre a vontade para participar aqui no site, agradeço novamente. Abraços e sucesso nos estudos.

  • Olá Nayrgra,

    Que bom que você se sentiu mais motivada com o artigo, espero que você tenha bons resultados. Agradeço muito sua participação aqui e espero te ver mais vezes aqui no site. Abraços e sucesso nos estudos. 🙂

  • Futuro Servidor

    Leandro, é normal a gente sentir uma dorzinha de cabeça nos primeiros dias que começamos a estudar? Seria o cérebro sentindo e se adaptando ao esforço, assim como o corpo sente quando começamos uma atividade física? Abraços!

  • Samuel Sousa

    Nossa cara, entrei aqui por acaso, comecei a desbravar esse mundo de conceitos científicos envolvidos em características pessoais de experiência, estou amando o site, Parabéns! Que linguagem fluída, com certeza falo por todos quando digo que enquanto leio sinto que quase você sai da tela. Finalmente! Encontrei o site que procurava, que dia feliz ! Muito obrigado por esse projeto maravilhoso.

  • Olá Futuro Servidor,

    Interessante você mencionar isso, um amigo meu sempre falava que a cabeça dele doía quando ele forçava demais para estudar. Confesso que essa não é uma característica de várias pessoas, mas para alguns pode doer sim, porque na verdade quando você estuda você está criando novas conexões neurais e esse processo pode sim ter reações adversas, como a dor de cabeça.

    Só que se a dor persistir Futuro Servidor o ideal é você ir ao médico, fazer um EEG para verificar se está tudo certo. Mas é bem provável que logo essa dorzinha irá passar. Ah! Evite ficar tomando muito remédio ok? Melhor procurar um especialista antes de tudo.

    Obrigado pelo comentário e esteja sempre a vontade para participar no site, abraços e sucesso nos estudos. 🙂

  • Olá Samuel,

    Eu que agradeço pelo seu comentário, fico muito contente em saber que essas palavras escritas aqui no site estão ajudando pessoas como você a conquistarem o resultado que procuram. Lembrando sempre Samuel que a principal mudança parte de você e da sua dedicação. Agradeço mais uma vez suas palavras de carinho, esteja sempre a vontade para comentar e participar no site, abraços e sucesso nos estudos. 🙂

  • Murieli

    Leandro, boa tarde! Adorei ler seu texto, acredito que me ajudará com relação aos estudos, mas tenho uma duvida com relação ao tempo de estudo. Minha vida é muito corrida, como a da maioria das pessoas, meus horários são apertados, treino, trabalho e faculdade, tenho apenas o horário após a faculdade para estudar, ai vem minha pergunta, qual a carga horaria ideal para estudar? Eu terei apenas entre uma hora e meia a duas horas nos dias da semana, caso contrario erei dormir muito tarde, o que acredito que me prejudicará, certo? Desde já agradeço por sua resposta.

  • Olá Murieli tudo bem?

    Antes de tudo muito obrigado pelo comentário é uma satisfação muito grande saber que esse projeto está te ajudando a aprender com eficácia.

    Murieli não há uma carga horária ideal, pois de qualquer forma se você se dedicar irá conseguir os resultados que deseja. Mas é obvio que quanto mais tempo você se dedicar, mais suas chances aumentam.

    Só que acontece o seguinte Murieli, por exemplo eu prefiro muito mais que você estude essas suas únicas 2 horas com concentração e foco total do que estudar 6 horas com a cabeça nas nuvens ou sem entusiasmo.

    Siga o plano que você está seguindo, 2 horas diárias e também uma dedicação maior no fim de semana, com isso você estará mantendo uma rotina de estudo muito boa.

    Como dica recomendo que você leia o texto que deixo abaixo, caso ainda não tenha lido. Nele explico sobre a diferença de horas de estudo

    http://estudareaprender.com/como-seu-habito-e-sua-rotina-estao-prejudicam-estudos/

    Mais uma vez agradeço, abraços e bons estudos. 🙂

  • Filipe Coelho

    Gostei muito das dicas. Eu sigo isso de segunda a segunda sem exceção? Obrigado desde já!

  • Filipe Coelho

    Olá professor! Estou atrasado com minhas matérias na faculdade e isso está me afligindo muito. Com esse artigo me senti motivado para começar a colocar em prática suas dicas, gostei muito e vou começar a estudar certo como segue no cronograma para que eu pegue o hábito e regularize minhas matérias para que eu possa formar, não me dediquei antes e agora estou com esse peso na consciência. Estou em mente de colocar tudo isso em prática para me regularizar e conseguir me formar para aí então eu conseguir entrar em um concurso público, a questão é que ao mesmo tempo que tenho em mente focar e levar a sério o cronograma de estudos, me vem o medo de estudar e tirar nota ruim na prova, de estudar e não passar na matéria, a aflição de falhar mesmo tendo me dedicado, o medo me atrapalha muito e com isso fico pensativo na questão de não conseguir passar nas matérias, pois preciso passar porque já estou muito atrasado. O senhor tem alguma dica para esse medo, essa questão em si? Obrigado professor!

  • Olá Filipe tudo bem?

    Obrigado pelo comentário. Esse problema seu está muito ligado ao medo e ansiedade, a ansiedade de chegar logo ao mesmo tempo que vem o medo do fracasso.

    Filipe o medo é algo natural, todos temos medo. Só que o medo é algo irreal, ele não existe a não ser em sua cabeça e quando você dá atenção a esse medo ele se torna cada vez mais forte e com o tempo acaba fazendo com que você se paralise.

    Recomendo que você pare de pensar no futuro e no impossível, tente manter sua mente focada no estudo do agora. Pois se você se concentrar no hoje, irá esquecer do futuro e consequentemente acabará deixando de dar a atenção ao medo.

    Lembre-se sempre que o medo é irreal ele não existe, é apenas uma invenção da sua própria mente para te paralisar. Espero que essas dicas te ajude, caso tenha mais dúvidas entre em contato. Agradeço mais uma vez, abraços e sucesso. 🙂

  • Diego Silva

    Eu estou atrasado com os estudos, com notas baixas na faculdade, e eu fico com medo pensando se ainda há tempo de recomeçar e recuperar tudo que eu perdi – isso me paralisa – é frustrante.

  • Olá Diego,

    Obrigado pelo comentário. Esse sentimento é comum, mas fique tranquilo que há sempre tempo para reestruturar e organizar sua rotina de estudos. Comece com calma e estude todos os dias. Não deixe que o medo te paralise, caso contrário você perderá tempo.

    Lembre-se que se você começar agora e mantiver o hábito de estudos em breve estará com tudo organizado, mas se você continuar paralisado, isso só irá gerar mais frustração.

    Pense a respeito e coloque em prática hoje seu hábito de estudo.

    Agradeço novamente a participação, abraços e bons estudos. 🙂

  • Anjos da Manu

    Professor vou tentar, faço faculdade de Direito e percebo que minha ansiedade é muito grande, não me deixa me concentrar e tbm não consigo manter o hábito de estudar, MAS PRECISO! Vou seguir suas dicas Valiosas e espero que este desânimo, preguiça e ansiedade comece a ir embora.

  • Olá Manu,

    Obrigado pelo comentário. Tente mesmo, coloque em prática. Tenho certeza que você terá ótimos resultados e esse desânimo irá desaparecer. Agradeço novamente e esteja sempre a vontade para participar aqui no site. Abraços e bons estudos. 🙂

  • Anjos da Manu

    Obrigada Professor, só tenho uma dúvida, com relação ao começo li que é para ir aos poucos.. O que o senhor acha, de qd eu chegar em casa da faculdade a noite, antes de eu ir dormir assistir uma vídeo aula do tema que foi abordado em sala neste dia?
    E no dia seguinte no meu horário de estudo pegar a matéria que vai ser abordada na sala de aula, e estudar? Penso que talvez seja mais fácil pra entender qd o professor começar a explicar, por outro lado seria logo de começo estudar por uma hora ou mais…
    Tenho medo de me atrapalhar por isso gostaria de saber sua opinião por favor. O que o senhor acha?obrigada!

  • Manu

    Obrigada Professor, só tenho uma dúvida, com relação ao começo li que é para ir aos poucos.. O que o senhor acha, de qd eu chegar em casa da faculdade a noite, antes de eu ir dormir assistir uma vídeo aula do tema que foi abordado em sala neste dia?
    E no dia seguinte no meu horário de estudo pegar a matéria que vai ser abordada na sala de aula, e estudar? Penso que talvez seja mais fácil pra entender qd o professor começar a explicar, por outro lado seria logo de começo estudar por uma hora ou mais…
    Tenho medo de me atrapalhar por isso gostaria de saber sua opinião por favor. O que o senhor acha?obrigada!

  • Olá Manu,

    Manu assistir uma vídeo aula do tema abordar em sala não é eficaz. Pois você estará repetindo processos, assistir uma aula é quase a mesma coisa que o vídeo, salvo a questão de tirar as dúvidas presenciais.

    Melhor fazer o seguinte, faça anotações durante as aulas esteja concentrada, faça mapas mentais ou resumos. Daí a noite quando chegar leia as anotações e escreva mais um pouco caso seja necessário isso já é o suficiente.

    No outro dia fazer exatamente o que você disse, leia com antecedência o tema abordado em sala, isso vai te dar a oportunidade de tirar suas dúvidas com o professor em sala e ainda preparar melhorar sua concentração e memorização durante a aula. Se você fizer esses dois procedimentos terá excelentes resultados. E ainda estará bem adiantada com os conteúdos.

    Como uma dica extra escolha o sábado ou domingo para fazer uma revisão dos temas abordados na semana.

    Agradeço novamente, espero ter respondido sua dúvida, qualquer coisa pode deixar um comentário.

    Abraços e bons estudos. 🙂

  • Edson Silva

    Nossa Prof Piccini ótimo site ótimo artigo ganho mais um fãn do seu trabalho e pessoa estou me preparando para concursos e faculdade nessa ordem e achei seu site um dos melhores até agora muito obrigado por compartilhar seus ensinamentos. Obs queria ser seu aluno seja qual matéria for !!!

  • Olá Edson,

    Obrigado pelo comentário, fico muito contente em saber que o site, os artigos e dicas estão sendo úteis para você. Mas o mais importante Edson é que você está procurando melhorar e está partindo para o sucesso nos estudos. Agradeço mais uma vez seu comentário.

    Abraços e bons estudos. 🙂

  • Carla Barbosa

    professor, você recomenda 5 matérias por dia? quando as aulas em pdf são extensas… cerca de 90 páginas! como dividir?

  • Olá Carla tudo bem?

    Obrigado pelo comentário, a quantidade de matérias irá depender do seu tempo de estudo e do tanto que cada matéria possui. Por exemplo se você tem pouco tempo de estudo, não adianta muito você estudar 30 minutos cada matéria, seria melhor diminuir o número de matérias.

    Se suas aulas são extensas, divida o número de páginas pelos dias de estudo. 90 páginas você consegue ler 9 por dia em 10 dias. Acho esse um número de páginas bom para você aprender bem, estudar e memorizar.

    Agradeço novamente o contato, e esteja sempre a vontade para participar no site. Abraços e bons estudos!

  • Rodrigues José

    Bom esse é meu problema, vou tentar melhorar, mas com 22 anos ainda não sei o que quero da vida. Que carreira seguir. E trabalho e a força de vontade é pouca eu acho.

  • Olá Rodrigues tudo bem?

    Obrigado pelo comentário. Fique tranquilo que você encontrará o que quer da vida, eu só encontrei o que queria com 22 anos. Então tenha calma, o mais importante de tudo é você se manter perseverante e sempre buscando conhecimento, logo você acabará encontrando sua verdadeira vontade. Mais uma vez agradeço a participação, abraços e bons estudos.

  • danielbillo

    Obrigado!! Ao ler esse artigo, me tranquilizei um pouco. Estava com a sensação de estar estudando de forma muito caótica (comecei a estudar para um determinado há pouco mais um mês). Entretanto, percebi que segui suas dicas de forma intuitiva, mesmo que com alguma (não muita) variação.Comecei muito empolgado, e aumentando as horas de estudo diário de forma gradativa, embora não programada, assim como fui aumentando aos poucos o número de matérias (ainda não iniciei todas as que possivelmente estarão no edital). Hoje após um mês decorrido, veio a já referida sensação de caos e bateu um desânimo. Em contrapartida, apenas agora, já com um domínio minimamente considerável do conteúdo, me sinto capaz de estabelecer um cronograma eficiente, pois sua falta era algo que vinha me atormentando. Enfim, ao “esbarrar” com seu artigo na web, pude perceber que estou seguindo uma evolução natural quanto a esse “novo” ato de estudar.
    PS: Como sou da área das ciências humanas, ainda me incomoda um pouco essa metodologia dura e engessada, porém necessária, relacionada ao concursos públicos. É uma forma bem diferente do que sempre acreditei por conhecimento e estudo. Entretanto, este agora é meu objetivo e seguirei firme na luta!! Reitero os agradecimentos. Às vezes as palavras certas nos são “presenteadas” (mesmo que acidentalmente) em momentos de incerteza…

  • Paulo Ortega

    Boa noite professor, estou em um momento da minha vida que decidi focar em meus estudos, tenho o objetivo de passar em uma faculdade não paga aqui na minha região, tenho amigos que já estudam lá e disseram que não é difícil entrar, mas o problema é que já fazem 2 anos que terminei o ensino médio e tenho a oportunidade de cursar o mesmo curso em uma faculdade paga, porém como já vou fazer 20 anos de idade preciso trabalhar também, meu pai disse que se eu deixasse de fazer o curso na faculdade paga para trabalhar e estudar para o vestibular apenas, eu estaria perdendo um tempo a mais da minha vida, ele quer que eu trabalhe, curse a faculdade e estude para o vestibular ao mesmo tempo, mas sei que faculdade é muito puxado e com certeza não seria nem um pouco fácil para mim fazer os 3 ao mesmo tempo. Então gostaria de saber sua opinião sobre essa situação, se é certo ou errado deixar de cursar na faculdade paga e trabalhar e estudar para o vestibular…

  • Olá Daniel tudo bem?

    Obrigado pelo contato. Fiquei contente em perceber que colocou o método em prática e obteve, ainda que minimamente, um resultado. Essa sensação de estar avançando é muito importante Daniel, pois o que desanima é quando a gente estuda e estudar e parece que não aprendemos nada.

    Com relação a metodologia engessada dos Concursos eu também descordo muito, mas temos que compreender que o objetivo do concurso é justamente impedir as pessoas de passar, é o típico “que vença o melhor”.

    Obrigado mais uma vez por deixar seu feedback aqui, ele é muito importante, não apenas para mim, mas para todos os estudantes que acompanham esse site.

    Abraços e bons estudos. 🙂

  • Paula Oliveira

    Olá, professor! Eu terminei o Ensino Médio ano passado e esse ano mantive uma rotina entre aprender a me virar só em outra cidade e o cursinho; uma missão que confesso falhar por justamente não manter um hábito (em casa) de estudo, a ruptura com a vida que tinha enquanto morava com meus pais era outra, não tinha as preocupações de contas para pagar, afazeres de casa, estudo e adaptação a nova realidade. Não soube administrar bem meu tempo, sabotei-me muitas vezes pondo a minha facilidade de aprendizagem como um “salto” nos assuntos que tive para revisar e exercitar. Sinto-me hoje, traída por minha própria mente, veja só!
    O meu sonho não é um dos mais fáceis visto que o curso de Medicina ainda permanece o mais concorrido do país, torna-se mais complicado ainda quando se minimiza a uma universidade apenas, no meu caso, a UPE no Campus de Recife, o porquê de eu ter escolhido lá? São muitos motivos, Professor, que me fazem sair de Coremas-PB para lá, a verdade que o curso é mais um degrau para o meu sonho que na verdade é a área da Neurociência. Não esquecendo, meu foco é o ENEM e só tenho uma chance no ano inteiro para conseguir. Dá para perceber que não será nada fácil subir essa minha escada até meu sonho!
    Enfim, desde que encontrei o “estudar e aprender” venho o devorando todos os dias, mesmo estando em férias na minha cidade natal tenho muito tempo livre, por isso o usarei mantendo esse planejamento de 60 além das outras dicas do site que irei começar amanhã mesmo, mas restaram algumas dúvidas: como manterei essa rotina quando somar com um cursinho de 7h ás 12h e a rotina de morar só? No treinamento de redação estilo ENEM, o Senhor tem alguma dicas? Em relação ao meu maior objetivo, algo a comentar?
    Obrigada, Professor! Continue escrevendo aqui, o Senhor está fazendo um ótimo trabalho, sou uma leitora assídua e admiradora do seu trabalho!

  • Breno Baptista

    Olá professor, tudo bom? Quão valiosa são essas dicas, muito obrigada por disponibilizá-las 🙂 Tenho apenas uma pergunta. Estou de férias, começo meu curso de Direito somente em fevereiro e como sempre fui meio desleixado com os estudos, comecei a usar essas dicas. Minha pergunta é, eu preciso estudar todos os dias durante os 60 dias para desenvolver o hábito, acrescentando 20 minutos todos os dias até alcançar 4/5 horas de estudos, ou eu posso não estudar aos sábados e domingos? Abraços e mais uma vez obrigado!

  • Olá Paulo tudo bem?

    Obrigado pelo comentário. Como você enviou o mesmo comentário por e-mail já respondi ele, espero que as dica que enviei te ajudem a encontrar o melhor para você. Mais uma vez agradeço pela participação, abraços. 🙂

  • Olá Breno tudo bem?

    Obrigado pela participação. O ideal é você fazer pelo menos o seguinte caso você não tenha o hábito de estudar nada. Durante 30 dias estude sábado e domingo, após isso pode ficar mais tranquilo ok? Esse pequeno esforço inicial irá te ajudar a fortalecer seu hábito de estudos já de cara, daí depois dos 30 dias você pode diminuir esses dias. Mais uma vez agradeço sua participação, abraços e bons estudos.

  • Olá Paula tudo bem?

    Obrigado pelo comentário. É muito bom estabelecer para si mesmo metas e objetivos grandes, pois quando conquistamos esses objetivos nos fortalecemos ainda mais. Tenho certeza absoluta que se você se dedicar terá ótimo resultados.

    Com relação as suas dúvidas. Quando você estiver fazendo cursinho, recomendo apenas que em casa você revise e estude previamente as matérias do dia seguinte, com isso você estará melhorando a eficácia do cursinho e estará aprendendo o suficiente. Com relação as redações respondi suas dúvidas no outro artigo que você deixou comentário, siga aquelas orientações.

    Mais uma vez agradeço sua participação e esteja sempre a vontade para retornar. Abraços e bons estudos.

  • Ian Pacheco

    Professor, obrigado por esse texto utilíssimo e bem estruturado. Mas estou com algumas dúvidas em relação as metas:
    Posso colocar duas ou mais metas no mesmo prazo? Ex: Ler um livro e aprender violão durante 1 mês.
    Ou, deveria criar uma meta de cada vez, dando 1 mês para o livro e 1 mês para o violão?
    E em relação ao estudo a longo prazo, posso colocar alguma meta de curto prazo durante o estudo?

  • Beatriz

    Se sexta-feira eu estiver com 30 minutos de estudo, e eu não quiser estudar nos finais de semana, segunda-feira eu deveria acrescentar mais 10 minutos, ou permanecer com 30?

  • Olá Beatriz tudo bem?

    Obrigado pelo contato. Permanece normal, e depois de segunda você acrescenta. Abraços.

  • Olá Ian tudo bem?

    Obrigado pelo contato. Uma meta única sempre tem mais força, ainda mais para quem ainda está começando, estude primeiro e depois que você já estiver habituado comece metas novas. Obrigado e bons estudos.

  • Hellen Caroline

    Muito obrigado, pelo seu artigo, foi de grande ajuda!

  • Olá Hellen,

    Obrigado pelo comentário, fico contente de ter te ajudao. Abraços. 🙂

  • espectador5910

    bom artigo! meu objetivo é ter aquela sensação gostosa de tarefa cumprida no fim do dia

  • Edson Nascimento

    Que texto perfeito, estou em processo de estudo e tenho vários problemas pra me organizar, tanto que vim procurar na web algo que me ajudasse, e sinceramente, você está de parabéns pelo que fez aqui! Excelente!

  • Olá Espectador,

    Obrigado pelo comentário. Esse é um ótimo objetivo para conseguir desenvolver seu hábito de estudos. Abraços.

  • Olá Edson tudo bem?

    Obrigado pelo comentário. Fico contente que esse artigo tenha lhe ajudado a melhorar sua forma de aprender, agora é só colocar em prática para evoluir sempre. Agradeço novamente, abraços e bons estudos.

  • rebeca Medina

    Gostei pra caramba! Amanhã mesmo já começo e desde já obrigada pelo seus posts. Quero ano que vem passar em CFO! EU VOUUU

  • Olá Rebeca,

    Que bom que gostou! Eu que agradeço seu comentário aqui. Abraços e rumo ao CFO! 😀

  • Gabrielle Canuto

    Muito obrigada por compartilhar o fruto de seus esforços como pesquisador, professor. Muito me valeram, e muito mais ainda valerá para os amigos que vou compartilhar. Estou aprendendo a estudar com professor Pier, é uma lastima ele não estar mais entre nós, mas fico feliz em me deparar com grandes, que como ele contribuem para o nosso desenvolvimento pessoal!
    Ah, eu queria perguntar se é mais produtivo assistir primeiro uma vídeo aula e ler o assunto em seguida, ou o inverso?

  • Olá Gabrielle tudo bem?

    Obrigado pelo comentário. Com certeza é uma grande tristeza que o Prof. Pier não está mais presente, mas ainda bem que ele deixou muito material bacana para todos. Com relação a produtividade Gabrielle, não existe uma regra o ideal é você fazer o seguinte, qual é mais difícil para você, ler ou assistir o vídeo? Comece com o mais difícil e passe para o mais fácil assim você conseguirá melhores resultados.

    Agradeço novamente o comentário, abraços e bons estudos.

  • Isadora

    Olá, tenho interesse em criar hábito de leitura, gostaria de saber se posso iniciá-lo paralelo ao desenvolvimento do hábito de estudo, ou se a leitura também contaria como uma forma de estudar, podendo assim atrapalhar na construção da minha rotina. Queria ler pelo menos 1 hora por dia e um pouco mais nos finais de semana. No caso, eu teria que começar aos poucos, aumentando progressivamente o tempo, ou já iniciar 1 hora todos os dias como falei?

  • Isadora

    – No texto você falou como seria uma rotina de 5 horas de estudo, mas se eu quiser um tempo maior, é só seguir o mesmo processo de ir aumentando 10 minutos por dia, ou você recomenda seguir os 60 dias da maneira proposta e só depois aumentar até atingir o tempo desejado?
    – Você sabe se existe um temo máximo que é recomendado estudar por dia, ou não tem limites? (Obviamente respeitando o tempo certo de dormir, alimentar e de praticar atividades físicas)
    – Mais uma duvida: a recompensa precisa ser sempre da mesma categoria, ou eu poderia um dia, por exemplo, comer um doce e em outro ver um episódio de uma série?
    Desculpe-me, por tantas perguntas.

  • Olá Isadora,

    Obrigado pelo comentário. Geralmente eu gosto de indicar apenas um hábito por vez, até para que você não se perca e consiga desenvolvê-lo corretamente. Tente focar primeiro em um e depois de um tempo comece o outro, até porque ao estudar você estará lendo. Abraços e bons estudos.

  • Olá Isadora,

    Obrigado pelo comentário. Seguem as respostas para as dúvidas.

    – Isso mesmo pode seguir aumentando. Porém depois de 30 dias você pode ir aumentando 30 minutos a cada 15 dias.

    – Não existe limite Isadora, desde que você esteja aprendendo. Como você está começando agora talvez seu limite seja pouco, porém com o tempo e aumentando o tempo pouco a pouco você conseguirá aumentar isso.

    – Melhor manter a mesma recompensa para reforçar o hábito. Obrigado e abraços.

  • julia

    alguém que tenha feito e dado certo? pelo menos sentiu alguma diferença??

  • Olá Julia,

    Obrigado pelo comentário. Geralmente mantenho contato com os alunos no e-mail, vários relatam o sucesso e de como esse método os ajudou a conseguir estudar de maneira definitiva, ou seja, todos os dias. Tudo depende da dedicação Julia, se você se dedicar em colocar em prática tenho certeza que terá ótimo resultado. Abraços e bons estudos!

  • Mateus

    Oi, muito obrigado pela postagem, cara! Me ajudou demais. Sempre que tentava estudar começava de uma vez, com várias horas ao dia e sem planejar qual matéria estudar. Acabava deixando os estudos de lado em dois meses, por me sentir cansado e sem recompensa. Mas queria pedir sua opinião em algo… é que tem sido difícil para mim não poder mais dormir tarde e sair com meus amigos aos finais de semana, sempre tendo que acordar cedo. Se eu tivesse uma rotina diferente na sexta e no sábado apenas dormindo e acordando mais tarde, mas estudando a mesma quantidade, iria atrapalhar? Eu sou uma pessoa noturna, mas tenho que dormir cedo para seguir minha rotina. Fico pensando na possibilidade de que eu acabe me estressando por ter que acordar cedo todos os dias e não poder sair mais com meus amigos a noite. O que você acha? Obrigado

  • Olá Mateus,

    Obrigado pelo comentário. Fico contente que tenha gostado do artigo. Você pode sair com seus amigos sim, pense nisso como uma recompensa, mas deixe isso apenas par ao final de semana, durante a semana mantenha uma rotina de sono para que você consiga estudar com eficácia. Espero ter respondido sua dúvida, abraços e bons estudos.

  • julia

    Obrigada pela resposta. Gostaria de saber se estou fazendo certo. Pretendo entrar na faculdade de direito na UFRGS, não faço cursinho, pois não tenho condições, tenho uma assinatura no Descomplica apenas, e sei, tenho consciência, que é a melhor faculdade do meu estado, e que a concorrência é realmente acirrada. Estudo do seguinte modo: assisto as aulas, faço um resumo, e a partir desse resumo começo a decorar, não sei isso está certo, mas sempre foi o meu modo de estudar, sim, eu era uma dessas alunas que estudava um dia antes da prova, sempre tirei notas ótimas, mas não sei se estudando desse jeito vou dar vencimento nas matérias. Queria saber se você não teria alguma dica para me ajudar? Desde já agradeço pela atenção.

  • Olá Julia,

    Seu método está ótimo engloba tudo que um estudante ativo precisa. Só não procure decorar e sim memorizar o conteúdo. Para isso ao invés de ficar lendo o conteúdo todo, tente resgatar de sua memória após apenas uma leitura, escreva notas a partir da sua memória. Abraços.

  • Paulo Bob

    Tenho 34 anos e quando me lembro de ter abandonado os estudos aos 18 me sinto um derrotado.
    Mas percebo em mim, que mesmo, com o passar de tanto tempo, de horas cedidas ao trabalho, de momentos de preguica e principalmente indisciplina…rs, eu ainda sonho em estudar e fazer uma faculdade. Parece que tenho a necessidade de me sentir importante com uma formacao academica e acredito que lendo esse material publicado pelo senhor, conseguirei criar o habito de realizar o meu sonho.

    Muito obrigado por colaborar com essas coisas boas esse nosso recurso precioso que é a internet.

    Humildimente,

  • Denise Oliveira

    Professor, estou iniciando meus estudos, para um concurso no MAPA, já trabalho aqui, mas como terceirizada, minha dúvida é, estudarei de madrugada, penso em deitar cedo e acordar próximo ás 04hs da manhã, estudar 2 horas e ir trabalhar, tem alguma experiência com estudos noturnos? Algo que possa compartilhar? Tenho filho pequeno, na parte da noite minha atenção é dele, e sempre que vou fazer ele dormir, durmo junto, como trabalho o dia todo, minha única opção é realmente as madrugadas.
    Muito obrigada pelos materiais disponibilizados.

  • Olá Denise,

    Obrigado pelo comentário. Não tem problema algum desde que essa rotina não te canse. Faça um teste de 30 dias e veja como estará sua energia ao longo do dia. Se depois de 30 dias você continuar sentindo-se cansada melhor parar. Mas se passar 30 dias e você sentir que está tudo ok, mantenha assim mesmo. Recomendo a leitura do artigo abaixo:

    http://estudareaprender.com/qual-melhor-horario-para-estudar-para-provas-e-concursos/

    Agradeço novamente, abraços e bons estudos.

  • Olá Paulo,

    Obrigado pelo comentário. Fico muito feliz em saber que esse artigo está te ajudando a retomar aos estudos. O mais importante Paulo é você se dedicar, dia a dia, comece aos poucos e vá evoluindo. Em pouco tempo você perceberá uma mudança no seu aprendizado e transformará seu estudo.

    O aprendizado e a educação transformam as pessoas Paulo, acredite sempre nisso. Mantenha-se firme tenho certeza que você terá o sucesso que busca. Agradeço novamente.

    Abraços e bons estudos.

  • myslene

    Tenho uma duvida, isso inclui finais de semana ? ou tem que ser esses dias direto?

  • Arthur Penha

    Muito bom o seu artigo Professor Piccini. Eu estou colocando em prática esse hábito de rotina de estudos em minha vida. No início deste ano eu ingressei para o curso de direito na UNIP-SP pelo vestibular e fiz um semestre inteiro de direito lá, até que resolvi trancar a minha matrícula e focar no estudos para o ENEM deste ano para conseguir vaga na universidade mais concorrida do país que é a USP. Essa universidade pela primeira vez na história abrirá vaga para o curso de direito na FDUSP e estou estudando muito para conseguir uma nota alta para entrar nessa universidade. Criei maiores ambições depois que comecei a trabalhar na Associação dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo. Eu atualmente trabalho em três dias da semana que são segunda,quarta e sexta das 10 ás 17 e faço curso pago por eles no Senac de Assistente Administrativo das 8 ás 12 na terça e quinta. E faço cursinho preparatório para o Enem no sábado das 8 ás 19. Então estou estudando de segunda a sexta pelo menos 4 horas e no sábado estudo no cursinho e domingo estudo 5 horas. Não sei se estudou estudando ainda de formar correta com esses horários alternados, porém é o tempo que tenho disponível, que estou convertendo em estudos. Não estou namorando e não tenho muitos amigos aqui em São Paulo ainda, só o pessoal do meu curso mesmo, então nesse ano de 2016 decidir focar totalmente no meu sonho. Estudei minha vida toda em escola pública no interior do Ceará, até que em 2016 me mudei para São Paulo e já conseguir dar um salto enorme na minha vida e agora estou em busca de objetivos ainda maiores.

  • Olá Arthur,

    Obrigado pelo comentário. É isso ai dedicação total para conseguir seus objetivos, pela forma que você escreveu acredito que em breve terei noticias de seu resultado positivo, isso é ótimo, pois mostra que a dedicação é o ingrediente fundamental para o sucesso.

    Agradeço novamente seu comentário, abraços e bons estudos.

  • Saulo Romani

    professor ou adm, tenho dificuldade de memorizar conteúdos muito extensos, por exemplo em conteúdos de história eu tento sempre assimilar o mais proximo de 100% mas não consigo,de vez em quando esqueço tres ou quatro coisas após algumas leituras(penso que fico na faixa dos 70%); isso é algum problema que deve ser trabalhado?

  • Olá Saulo,

    Obrigado pelo comentário. Saul não tem adm não sou eu mesmo hehehe… Isso acontece por conta da revisão Saulo, se você está lembrando 70% sua memória é muito boa, não adianta esperar decorar 100% de um conteúdo sempre, a memória trabalha de maneiras diferentes, mas se você está memorizando 70% de um conteúdo está muito bem.

    Agradeço novamente, abraços e bons estudos.

  • Felipe Olliveira

    Estive por um tempo trabalhando 08h diárias (fora horas extras) e estudando outras 4h, isso me deixava esgotado. Há alguns meses, saí do trabalho e consegui um estágio de 4h/dia, isso me deu 4h/dia livres. O problema é que nas 4h livre não fazia nada produtivo, entre uma besteira e outra, a hora passava e obtia cotidianamente a sensação de perda de tempo, que é horrível. Preciso me organizar e converter esse tempo livre em tempo livre para estudar e aprender. O site é muito bom, as dicas são ótimas. É um belo trabalho Professor!

  • Olá Felipe,

    Obrigado pelo comentário. No começo é assim mesmo, quando sobra tempo ficamos meio sem saber o que fazer com ele. Por isso o estabelecimento de hábitos e organização te ajudará a aproveitar melhor esse tempo e torná-lo mais produtivo. Agradeço novamente, abraços e bons estudos 😄

  • Gabrielle Canuto

    Obrigada novamente Leandro, vou fazer isso.
    Um grande abraço !!!

  • Rupin 1

    Professor, eu estava fazendo um resumo de uma aula em pdf sobre legislação aduaneira, gastei 1 hora em cada página, pois não tenho familiaridade com a matéria e tenho tempo de sobra para estudar esse ano, o senhor acha que é errado gastar tanto tempo por página?

  • Olá Rupin,

    Obrigado pelo comentário. Não tem problemas você perder tempo não Rupin, afinal esse conteúdo é novo, com o tempo você vai ficando mais veloz, é só manter o hábito de estudar sempre.

    Abraços e bons estudos.

  • Rupin 1

    Obrigado pela resposta, professor, vamos ver se com o tempo o meu ritmo melhora. 🙂

  • Paulo Alexander

    Bom dia professor, como vai?
    Gostei muito das dicas, são de grande ajuda para todas as áreas, tanto concurso quanto vestibular e ENEM, porém meu problema não está só na dificuldade de manter uma rotina está também na dificuldade de me concentrar enquanto estudo.
    Teria algum jeito de me livrar de tanta desconcentração? Devo citar que não possuo celular e no ambiente de estudo não há nem mesmo computador.

  • Olá Paulo,

    Obrigado pelo comentário. Paulo concentração é treino você precisa estudar sempre e ACIMA DE TUDO, longe de distrações, faça disso um hábito constante, treine sua concentração se perceber que está perdendo o foco force assim mesmo, quando você força você treina para se concentrar mais e mais, mas isso preciso ser todos os dias ok? Agradeço novamente, abraços e bons estudos.

  • Érica

    Olá, professor
    Primeiramente, parabéns pelo ótimo artigo, me ajudou muito, já que eu estava muito desorganizada em função de meu aprendizado.
    Eu gostaria de saber se eu organizasse meu hábito de estudos durante a semana e nos fins de semana descansasse, isso iria prejudicar o estudo.
    Abraços!

  • Allyson Menezes

    Obrigado professor Piccini pelas dicas de estudo. No momento estou precisando muito me dedicar mais aos estudos. Usarei suas dicas para iniciar ainda hoje um novo ritmo de estudos para alcançar meu objeto que no momento é passar no exame de suficiência e obter meu registro de Contador. No momento este é meu objeto principal.

  • Olá Érica,

    Obrigado pelo comentário. Não tem problema não pode deixar o fim de semana para descansar, o ideal seria deixar apenas um dia e no outro aproveitar para uma revisão, por exemplo, sábado revisão e domingo descanso. Agradeço novamente.

    Abraços

  • Olá Myslene, inclui os finais de semana sim, a menos que você queira deixar para descanso. Obrigado pelo comentário!

  • Olá Allyson,

    Obrigado pelo comentário. Que bom que você irá colocar em prática as dica, é assim que você conquistará o resultado que deseja. Agradeço novamente o comentário.

  • Luann Fernandes

    Professor Piccini o senhor teria como me dar uma dica de que matéria e quantas horas de estudo seria melhor pra minha pessoa cria esse habito? Obs: eu tenho o dia todo livre pois terminei o ensino médio ano passado. !!
    Porem essa é a minha primeira vez que tento algo assim e estou um pouco desesperado pra continua minha vida educacional mais não to conseguindo ter um ponto de partida bem orientada !!

  • Olá Luann,

    Obrigado pelo comentário. Luann no hábito o ideal é você não se preocupar com matérias apenas estude matérias que você goste e comece aos poucos, evite se preocupar com isso. Depois de 30 dias estudando todos os dias dia você pode passar para a organização da rotina e matérias. Nesse caso recomendo outro artigo para ajudar você:

    http://estudareaprender.com/como-fazer-plano-de-estudos-perfeito/

    Agradeço novamente 🙂

  • Karoline Costa Coutinho

    Olá professor, gostaria que me tirasse uma dúvida, terminei o ensino médio em 2016, e desde então estou de “férias”, portanto tenho o dia todo livre, e quero iniciar amanhã mesmo meu hábito de estudo, mas no dia 6 de feveireiro eu inicio um curso técnico em outra cidade, o que vai modificar completamente minha rotina e consequentimente meu hábito de estudo, o senhor me aconselha á iniciar o hábito nesses 20 dias que me restam de férias, e depois modifica-lo totalmente, ou a esperar até que eu comece minha nova rotina?

  • Olá Karoline,

    Obrigado pelo comentário. Se quiser você pode tentar já manter o horário que você terá mesmo depois que começar o curso, agora se você não souber que horas será o curso, pode começar agora mesmo no seu horário, depois você apenas adapta. Agradeço novamente o comentário.