5 Passos para aprovação em provas e concursos

1 Comentário

Esta é a parte 1 de uma série de 3 partes sobre Neuro-Aprendizado para aprovação.

Parte 1 – [Você está aqui] – 5 Passos para aprovação em provas e concursos.

Parte 2 –  A técnica de estudo completa passo a passo.

Parte 3 –  Técnicas de memorização não funcionam para prova e concursos!

Vamos lá…

Nada pior do que passar horas e horas estudando e não aprender nada. Agora você imagina para mim como professor, ensinar e depois escutar dos meus alunos “professor não entendi nada” 😔

Foi por causa desse problema que eu resolvi estudar a neurociência e a psicologia da aprendizagem e descobrir de que maneira as pessoas aprendem. Então aprendi através das minhas leituras e pesquisas, quais as melhores técnicas e formas do cérebro aprender, se concentrar e memorizar os estudos.

Nesse artigo eu vou apresentar o método que desenvolvi e ensino para que qualquer pessoa consiga os resultados que busca nos estudos. Eu o chamo de “Neuro-Aprendizado” (Espero que você tenha gostado desse nome, pois demorou para encontrar um nome bacana… 😛 )

Pegue um lápis ou anote as dicas importantes no seu smartphone, agora vamos a leitura…

Neuro-Aprendizado, os 5 passos para aprovação

Esse método que desenvolvi nada mais é que o conjunto de teorias, livros, pesquisas e testes realizados com meus alunos, tudo para encontrar um método que atendesse tanto o aluno adulto que trabalha quanto um adolescente em fase de ENEM ou vestibular.

Minhas principais fontes são renomados neurocientistas, psicólogos e pesquisadores como Daniel Goleman, Tony Buzan, Howard Gardner, Roberto Lent, A. R. Luria, Vigotski, Oliver Sacks, etc.

O Método Neuro-Aprendizado está dividido em 5 passos:

  1. Organizar a mente
  2. Organizar a rotina
  3. Aumentar a concentração
  4. Melhorar a memorização
  5. Acelerar o aprendizado

Esse método é baseado no cérebro e mente do aluno, portanto o que ele faz é aliviar a mente para que o aluno consiga se concentrar, memorizar e aprender mais rápido.

Vou detalhar para você cada passo.

Passo 1 – Organizar a mente para estudar

“Uma mente organizada nos leva sem esforço à uma boa tomada de decisão” (Daniel J. Levitin – Neurocientista)

O primeiro ponto está em organizar a mente, muitos estudantes cometem o erro de começar a estudar sem responder algumas perguntas básicas como:

  • Por que estou estudando?
  • Quais os resultados tangíveis espero com meus estudos?
  • O que me motiva a estudar todos os dias?

Perguntas simples como essas, quando bem respondidas evitam que você acabe caindo no ciclo do desanimo e desmotivação de estudar.

Ter uma mente organizada é isso, saber o que está fazendo, conhecer a si mesmo e acima de tudo, reconhecer que cada um tem uma forma única de aprender. Como disse o neurocientista Daniel J. Levitin:

“Não existe um sistema único para que funcione para todo mundo, somos todos singulares”

Por isso é importante que você saiba:

  1. Qual sua maneira de aprender?
  2. Quais suas limitações de aprendizagem?
  3. Qual o horário você é mais produtivo nos estudos?
  4. Como estão suas emoções na hora de estudar?

Uma vez que você tenha definido seus objetivos de estudos, metas, forma de aprender e estudar e passa a conhecer a si mesmo, então sua mente e cérebro passam a “colaborar” para que seu aprendizado melhore.

DICA PRÁTICA DE ORGANIZAÇÃO DA MENTE

Aqui no Estudar e Aprender tem vários artigos sobre a organização da mente, um dos que considero principal é o Como ter motivação para estudar.

Nesse artigo eu ensino a definir objetivos, motivos e metas o primeiro passo essencial e que já trará ótimos resultados para sua motivação e qualidade de aprendizado.

Agora chega o momento da organização externa ou organização da rotina de estudos.

Passo 2 – Organizar a rotina de estudos.

“Muito do estresse que as pessoas sentem não vem de terem coisas demais para fazer. Ele vem de não terminarem o que começaram.”  (David Allen)

Quando aluno entra em contato comigo sempre fala “Prof Piccini não tenho tempo para estudar o que faço?” Eu sempre respondo, “Por que? Seu dia tem menos de 24 Horas?”.

Sim eu sei essa piada é péssima :/

Mas é ótima para ilustrar o modelo de mentalidade que muitos estudantes, concurseiros e acadêmicos possuem, eles não têm CONTROLE sobre suas vidas.

Entenda uma coisa.

Você não conseguirá organizar sua rotina de estudos se não tiver controle sobre sua rotina de maneira geral, você precisa sair de um modelo reativo, ou seja, sempre reagindo aos acontecimentos e passar para um modelo proativo, onde você decide o que fazer e quando fazer.

O que você precisa ter organizado:

  1. Seus horários para dormir, acordar, trabalhar e estudar.
  2. Seus materiais de estudo.
  3. Seu plano de estudos, Cronograma, Metas ou Ciclo.
  4. Seus locais de estudo.

Além de tudo isso você precisa de um sistema que mantenha sua organização funcionando sempre, caso ao contrário você acabará se desorganizando e ficando frustrado.

Não adianta você organizar apenas um plano de estudos, é preciso organizar sua rotina de vida também, imagine o seguinte…

Você começa a estudar seguindo seu cronograma, e no meio dos estudos você fica preocupado, pois acabou de lembrar-se que precisava pagar uma conta no banco, ou seja, você perdeu um dia valioso de estudo, por que não organizou corretamente sua rotina.

Quando você tem uma rotina organizada seu cérebro trabalha com toda energia, isso acontece porque as preocupações somem, afinal você já tem organizado tudo o que irá fazer no dia e nada irá atrapalhar sua mente.

(NOTA: Quer ver passo a passo como colocar em prática o método Neuro-Aprendizado? Veja as vídeo aulas práticas de como turbinar sua aprendizagem, acesse agora aqui.)

neuro-aprendizado-aprovacao

 

DICA PRÁTICA DE ORGANIZAÇÃO DA ROTINA

Uma lista de tarefas para o seu dia irá te ajudar muito a organizar sua rotina. Crie listas com tudo o que você tem para fazer durante o dia assim você terá controle do que fazer, quando fazer e em que momento fazer.

Essa lista ajudará você a ter uma rotina sob controle e também conseguir se dedicar aos estudos no momento certo, sem deixar que nada atrapalhe.

Além da lista de tarefas um plano de estudo te ajudará muito, caso ainda não tenha um leia o artigo Plano de Estudos Perfeito.

Agora chegou a hora de se concentrar! 😀

Passo 3 – Aumentando a concentração nos estudos

“Sem foco, nenhuma lembrança clara do que estamos aprendendo fica armazenada” (Daniel Goleman)

É importante que você compreenda uma coisa a partir desse ponto, sua concentração dependerá da sua organização, se você não tiver organizado corretamente sua rotina no passo anterior, então não conseguirá se concentrar.

Por isso desenvolvi o método do Neuro-Aprendizado. Cada passo está intrinsicamente ligado para facilitar seu aprendizado.

Caso sua organização esteja funcionando, nesse passo é o momento de você eliminar todos as coisas que te distraem e fortalecer sua concentração treinando ela constantemente.

Existem dois tipos de distrações, a interna e a externa.

  • Distração externa são todas as coisas que não dependem de você que te distraem, por exemplo, seu celular, alguém que chama você, um contratempo, barulhos, etc.
  • Distração interna é tudo que está em sua mente e cérebro, são as famosas “travas mentais” ou como eu chamo de “mentalidade da reprovação”, por exemplo, medo, ansiedade, raiva, desanimo, etc.

É necessário eliminar esses dois tipos de distrações para conseguir se concentrar com mais eficácia, esse é um trabalho de hábito, você precisa se habituar a evitar as distrações de todos os tipos.

E tem mais.

Além de eliminar as distrações é importante que você fortaleça sua concentração, é preciso treiná-la, isso mesmo. Quanto mais você aprender a manter a atenção, melhor sua concentração ficará.

DICA PRÁTICA DE CONCENTRAÇÃO

Um treino muito bom de concentração que sempre recomendo aos meus alunos é o de manter o foco.

Sempre que você estudar e perceber que não está conseguindo se concentrar, tente retornar sua atenção aos estudos, nem que você tenha que reler o parágrafo ou assistir a mesmo vídeo aula várias vezes.

Quando você faz isso você fortalece as áreas do seu cérebro responsáveis pela concentração, com isso seu cérebro se habitua a manter a concentração a longo prazo.

Faça o teste pelos próximos 30 dias e você sentirá um aumento na qualidade do seu aprendizado.

Passo 4 – Melhorando a memorização dos estudos

“Desde um ponto de vista prático, a memória dos homens e dos animais é o armazenamento e evocação de informação adquirida através de experiências; a aquisição de memórias denomina-se aprendizado.” (Ivan Izquierdo)

Memorização tem a ver com concentração. Por isso memorização é um passo após a concentração, uma vez que sua concentração está fortalecida, é hora de melhorar a qualidade de sua memorização, de uma maneira bem mais fácil.

A memória possui duas ações importantes:

1 – Armazenar a informação

2 – Recuperar a informação

Armazenar a informação dos estudos.

Para armazenar os estudos com qualidade você precisa estar atento a sua leitura ou aula, depois é preciso praticar a informação que você está trabalhando através de um exercício e por último é preciso repetir a informação através da revisão.

Recuperar a informação dos estudos.

Se sua informação estiver corretamente armazenada no cérebro e você trabalhar sempre ela, terá facilidade de recuperar essa informação, algumas técnicas úteis facilitam esse processo na hora de estudar.

nao-memorizo

Também é preciso aprender a estudar de maneira que facilite sua memorização. Muitos estudantes, ainda cometem o erro de estudar apenas copiando, de certa maneira isso até ajuda, mas não de uma forma eficaz.

Quanto mais você usar sua memória na hora de estudar, melhor conseguirá armazenas as informações que estuda.

DICA PRÁTICA DE MEMORIZAÇÃO

Uma dica prática e simples que sempre passo aos alunos é usar mais a memória. Ao invés de apenas copiar no caderno os trechos importantes que você leu, tente recuperar a informação diretamente de sua memória.

Esse treino constante irá fazer com que sua memória fique mais fortalecida e você comece a lembrar melhor do que estuda.

Aproveite a faça a leitura do artigo, como funciona sua memória e como melhorá-la, passo várias dicas úteis para melhorar sua memorização.

Passo 5 – Acelerando o aprendizado.

“Algumas pessoas nunca aprendem nada, porque entendem tudo muito depressa.” (Alexander Pope)

Muitos querem acelerar o aprendizado, acelerar a leitura, ficarem inteligentes instantaneamente, etc. Mas já cometem o principal erro de buscarem isso primeiro ao invés de desenvolverem o hábito de estudos.

Pense no seguinte.

Turbinar o motor de um carro que todas os pneus estão furados, adiantará alguma coisa? Isso fará o carro andar mais rápido? É obvio que não né?

Antes de você aprender mais rápido, é preciso desenvolver o hábito de estudar, se concentrar e memorizar, por isso o aprendizado acelerado é o ultimo passo do método Neuro-Aprendizado.

Uma vez que você tenha o hábito de estudos, esteja organizado, consiga se concentrar e memorizar é hora de acelerar.

Nesse passo você utiliza as técnicas de aprendizado que irão acelerar sua leitura e sua compreensão das aulas. Isso é útil principalmente na questão da revisão pois torna seu aprendizado mais fácil.

DICA PRÁTICA PARA ACELERAR O APRENDIZADO

Uma dica simples que irá tornar seu aprendizado mais rápido é a resolução de atividades sobre o tema estudado. Quando você coloca seu cérebro para raciocinar sobre uma informação tudo fica mais fácil.

Faça o seguinte, tenha algumas atividades sempre prontas para responde-las assim que terminar te estudar, você irá perceber que sua compreensão e aprendizado ficarão bem mais fáceis.

Por hoje é só pessoal…

Bem, esse é o método que desenvolvi para orientar meus alunos, e posso dizer que desde que iniciei minhas orientações em 2013 usando esse método tenho percebido uma melhora de 40% a 70% na qualidade do aprendizado e resultados obtidos pelos meus alunos.

Com certeza esses resultados que me deixam contente em saber que com minha ajuda vários estudantes conseguiram alcançar o que desejavam. Isso com certeza não tem preço.

Espero que esse artigo tenha ajudado você a compreender melhor como tornar seu aprendizado eficaz e as dicas passadas sejam úteis para você no seu dia a dia de estudos.

Próximos passos:

  1. Coloque em prática as dicas. Não perca mais tempo estudando errado, veja onde você está errando e comece hoje mesmo a modificar sua maneira de aprender.
  2. Deixe um comentário contando suas principais dificuldades na hora de estudar, juntos iremos descobrir como o método pode te ajudar a resolver esse problema.

Gostou do artigo? Então clique abaixo para compartilhar com um amigo.

Até a próxima, abraços! 🙂

(NOTA: Quer ver passo a passo como colocar em prática o método Neuro-Aprendizado? Veja as vídeo aulas práticas de como turbinar sua aprendizagem, acesse agora aqui.)

neuro-aprendizado-aprovacao

E-mail:
Escrito por
Professor, empreendedor & escritor. Especialista em aprendizagem. Atualmente dedicado ao site Estudar e Aprender.
  • Christopher Paixão

    Minha maior dificuldade em estudar é a abstração do que estou estudando, ao ler o artigo vi que o que mais me atrapalha é a falta de concentração por conta de distrações internas. o Artigo me ajudou bastante. Obrigado!